segunda-feira, outubro 30

Fezes bem Gertrudes

Madrugar nas competências laborais oferece algumas vantagens. Podemos, por exemplo, fazer sala no quarto de banho sem o risco de sermos importunados por vítimas de desarranjos intestinais. Podemos ainda gabarmo-nos de sentar o rabo num tampo criteriosamente higienizado pela Dona Gertrudes, nome indissociável ao farto buço que transporta. A zelosa empregada é cumpridora e goza de uma perspicácia assustadora. Ainda hoje me comovi quando me preparava para o alívio. Correu de pronto para o balneário, atravessou-se-me no caminho e desencravou a porta da cunha que a escancarava aos curiosos. Encorajou-me depois nos meus desígnios e assegurou que tinha caminho livre para me aliviar. "Esteja à vontade", sossegou a empregada, antecipando as minhas necessidades de recato. Retenho porém, duas questões pertinentes: sou assim tão transparente ou tenho cara de cagão?

4 comentários:

sunny disse...

Que conversa de merda...

Anónimo disse...

Tens cara de cagão!!!!!

Joana disse...

tens cara de cagão e n se pode entrar no "toilette" passadas 12 horas.... urghhhhh... coitada da D. Gertrudes... tenho pena.... mta pena...

Woman disse...

Não, nada disso! A Dona Gertrudes apenas queria ser prestável e mostrar-te as capacidades de limpeza e higiéne dela. Ok, eu tentei mas tens de concordar que não é fácil, não nos deixas muitas mais hipóteses... Pronto, eu opto por transparente...

Beijo