quinta-feira, junho 28

Piu piu

Aqui o Fogacho, o Vita e o Periquito repetíamos o costume de saltar uma ou outra aula enfadonha de Religião e Moral e zarpar até aos treinos do Glorioso. Partíamos da Brandoa e atravessávamos os terrenos enlameados que agora dão guarida à estação de Metro do Colégio Militar. Com lodo até aos joelhos, assistíamos embevecidos à mestria de Diamantino, venerávamos a classe de Carlos Mozer e aplaudíamos o killer instinct de Rui Águas, o homem que nos levou à final dos Campeões com duas cabeçadas a uns romenos. Antes do jogo com o PSV Eindhoven, o Benfica anunciou que tinha dez bilhetes para oferecer, viagem incluída. Quem quisesse ser contemplado com o valioso 2 em 1 teria, porém, de cumprir a formalidade de defender um penalty do Eusébio. Chegado o dia do desafio, voltámos a saltar a disciplina dos bons costumes e fomos tentar a sorte. A meio caminho já se vislumbrava a quilometragem de candidatos, que embicavam em fila moderadamente ordeira até ao campo de treinos. Duas horas, e centenas de frangalhadas, depois, chegou a nossa vez. Eu fui o primeiro. Nem tive tempo de evocar o Pai Nosso. Encolhi-me todo com o estoiro da Pantera Negra e dei a vez ao Vita. Quando o pobre coitado se preparava para erguer os polegares para consentir o remate, já o Eusébio tinha anichado o esférico no fundo das redes, desta vez com um remate mais colocado. Entrou o Periquito, sempre o mais destemido dos três. Tinha acabado de chumbar nas captações do Benfica e queria desforrar-se do desinteresse dos olheiros com uma viagem de borla até Estugarda. Olhou a Pantera de frente e aguardou, com soberba, o desferimento do pontapé. Quando o Eusébio denunciou o esgar de remate, o Periquito deu um traiçoeiro passo em frente, para reduzir o ângulo ao craque reformado. O melhor jogador do Mundo mandou uma biqueirada que passou pelo meio das pernas do meu amigo, depois de ressaltar ali pela zona do escroto. O Periquito deu um peru com dois sacos de penas, saiu em ombros (tivemos de o carregar até casa) e passou duas semanas a piar fininho

2 comentários:

Florença disse...

UI. Até me doeu a mim e sou gaja :)

Joana disse...

Epah... juro-te solenemente q foi dificil conter a estridente gargalhada, que acabei de dar, neste imundo open space onde me encontro, dps de ler isto....


só por isso n faço queixinhas aos pais relativamente ás tuas baldas a RMoral.. só por isso tás safo!