terça-feira, julho 31

Bem Ditto, melhor peito

Considerada pelo insuspeito Independent como a mulher mais cool do planeta, Beth Ditto, ícone da causa lésbica e vocalista dos punk The Gossip, acaba de armar um pé de vento com os estilistas da modelagem. Para a cantora, são, passo a citar, "esses bandos de gays" culpados das tendências anoréxicas das adolescentes e do padrão globalizado das silhuetas-cabide. Em protesto, Beth, que costuma concluir os concertos em lingerie, pousou desnudada para a revista britânica NME, publicação especializada em música alternativa e que também já despiu PJ Harvey. Curiosamente, Bethy é amiga do peito (no singular) de Kate Moss, inspiração das subnutridas, mas aliada à nobre iniciativa idealizada pela robusta artista britânica. Defende a cantora, com o vigor dos seus 95 kg, que as mulheres devem desamarrar-se dos grilhos depilatórios. Ou seja, deve deixar-se o mecanismo hormonal feminino borbotar todo o potencial púbico e cobrir a derme com um manto capilar tal qual Tony Ramos, o galã das novelas de 70/80, que inflamava os corpos das heroínas de tanta roçadela da penugem de piaçaba. Uma naturista de peso... ou de pêlo!

7 comentários:

Florença disse...

Uma verdadeira mulher-macaco! ;)

Durão Barroso disse...

Não era esta a tua promessa, pois não?

fogacho disse...

supresaaaaa!!! hehehehehe

trincadeira disse...

O pior não são as banhas, é mesmo aquele batom vermelho naquela cara feia. A Ditto irrita-me porque em vez de admitir que está nua na capa da NME porque pode (porque gosta de se despir e como parece que é polémica e tal dão-lhe tempo de antena e capas de revistas), arma aos cágados e inventa uns argumentos políticos e mais não sei quê. Eu passava bem sem ter que ver obesidade mórbida nas capas de revistas.

Gotinha disse...

Fanei esta foto para o meu CU-CU.
eSPERO QUE NÃO TE IMPORTES!!

http://cu-cu.blogspot.com/

fogacho disse...

no problemo gota... só não estou a ver a relação com pássaros de relógios de corda ;o)))

Anónimo disse...

è para verem o que faz a falta de homem.