segunda-feira, fevereiro 11

Para a semana é que é!

Estou a caminho dos 34 anos. Tenho responsabilidades. Uma filha para criar.Uma Maria para aturar. Contas para pagar. Um chefe para embirrar (e um chibo para me deleitar). Enfim, uma série de merdas para cuidar. Sei que não cura. Que não resolve. Alguns difamadores invejosos garantem até que estupidifica. Mas a todos afianço que um fim-de-semana prolongado a dedilhar em teclas, galgar níveis e marrar com o Darth Vader é mais terapeutico que receituários de drogas ansiolíticas. E até quase se passa incólume ao trágico desapontamento de se ter estourado mais de dez euros num zeromilhões

3 comentários:

Avelã disse...

A MIM TERAPEUTICO É CONDUZIR SEM DESTINO, MAS AO PREÇO QUE ESTA O GASOIL NÃO É MUITO ACONSELHAVEL NÃO :S

durao barroso disse...

Nada como as crianças para nos abrirem os olhos para os verdadeiros escapes da vida. Os "maus" que já matámos juntos neste jogo, e a discutirmos porque um quer ir para a esquerda e outro para a direita. Mas no final sempre um "give me five" com a missão cumprida... Isto é que é vida. Não o euromilhões e outras ilusões.

Florença disse...

E que tal e apenas um chá de cidreira ;)?