sexta-feira, fevereiro 16

Em que é que ficamos?

À vossa esquerda o vencedor da votação recentemente promovida pelo Inimigo Público, em parceria com a SIC Notícias, para o português que mais contribuiu para a ruina/estado a que chegou o país, ao cabo de uma luta renhida com Mário Soares. À vossa direita o campeão do mega-inquérito da RTP sobre o maior dos Grandes Portugueses. O resultado foi alegadamente protelado por mais dez semanas. Conta-se agora que, face aos números finais da votação, a televisão pública desabafou um comprometido estamos fo#&%os e decidiu arrastar a iniciativa com debates individuais sobre os dez finalistas. Tem então a RTP pouco mais de dois meses para explicar aos portugueses que, afinal, o António parecia mais alto porque usava umas botinas ortopédicas com tacão reforçado

4 comentários:

carla disse...

:)

e se calhar para remediar ainda mais a coisa, vão dedicar um programa inteirinho à cadeira que o deitou por terra!

afinal a grande cadeira merece tamanha honra!

Florença disse...

Assim vistos ao longe, até parecem irmãos :D

Tiago Franco disse...

Confesso que de cada vez que leio isto fico mais estupefacto.
A votacão é popular e sendo assim, como pode o Salazar constar entre os 10+ ?
Honestamente n tinha a nocão que havia tto saudosismo do estado novo.
Como é q é possivel?

(desculpa lá a cedilha...)

flower power disse...

ou seja: uns amam o senhor, outros odeiam! neste país pequenino à beira mar plantado tudo é possivel! só assim se explica que vença em dois "concursos" antagónicos