sábado, junho 10

Lobby dos queijos

E cá estamos neste grande jogo de futebol e lá vai CTT pelo lado esquerdo do ataque. CTT finta um, finta dois, remata à baliza e é... selo, selo de Portugal!

Foi esta redacção de fino recorte literário que valeu um bilhete para a bancada central do estádio de Colónia. No domingo, um afilhado do Pauleta vai lá estar aos berros com-legendas-por-baixo. Não se compreende. Os correios de Portugal pediam uma frase (?!?!) que conjugasse CTT, selo e futebol. O júri, um grupo de insulares de certezinha, enamorou-se pela composição do jovem estudante açoriano e espezinhou as regras do jogo. As influencias gabrielanas são por demais evidentes. Saiu um relato sem piada nenhuma, mas o miúdo caiu nas graças de cinco carteiros com a quarta classe. Qualquer coisa como "Deixe a TV, vá com os CTT e carimbe um selo no Mundial de futebol" é muito mais engraçada. É concisa, não cansa e dá prestígio à empresa. É minha e da R. Ficámos em segundo e a chuchar no dedo

1 comentário:

flower power disse...

se o moço não tem atendido o telemóvel...a esta hora um de vocês estava a arranjar o farnel para levar para a Alemanha. Farnel sim! Porque as refeições da TAP são tudo menos para encher a barriga, quanto muito o buraquito do dente!!
deixem lá, fica para a próxima, agora que lhe tomaram o gosto não vai haver concurso de frase que escape